As 100 mulheres mais poderosas do país

As 100 mulheres mais poderosas do país
SÁBADO 03 de março de 2021
As mais lidas

Nas vésperas do Dia Internacional da Mulher, publicamos a lista das portuguesas mais influentes em 2021. Elas fazem a diferença todos os dias – e estão a abrir as portas à próxima geração de líderes.

O neurocientista Ben Barres nasceu Barbara Barres, o que lhe proporcionou a possibilidade de viver a experiência de ser mulher e homem no mundo da ciência. "Fez uma intervenção brilhante, é muito melhor que a sua irmã", ouviu um dia numa conferência de quem não sabia que era a mesma pessoa. Uma das grandes diferenças, conta num testemunho na Nature, é que "como homem sou ouvido com mais respeito e consigo terminar uma frase sem ser interrompido por um homem". Morreu em 2017.

O caso, partilhado por Leonor Beleza nesta edição da SÁBADO, é visto como uma das várias provas de estarmos perante uma discriminação de género, alicerçada na educação e na cultura, que trava a ascensão das mulheres nas mais variadas atividades, na política, nas empresas, na cultura ou no desporto. A regra das quotas para mulheres e as intervenções ativas das mulheres com poder têm sido nos últimos tempos as ferramentas para quebrar as barreiras que ainda existem. 

Nas vésperas do Dia Internacional da Mulher, elegemos as 100 portuguesas mais influentes em 11 áreas distintas: empresárias, gestoras, políticas e desportistas, mas também aquelas que se destacam na educação, na ciência e saúde, na justiça, na administração pública, na cultura, nos média e entretenimento e nas organizações internacionais.

O ranking resultou de uma eleição feita pela redação da SÁBADO, onde os jornalistas foram chamados a atribuir a mais de 200 mulheres uma nota de 1 a 5 de acordo com cinco categorias: o poder do dinheiro (a capacidade que têm de mobilizar recursos económicos); a influência (o poder de influenciar decisões nas respetivas áreas); o mediatismo (ou seja, a respetiva notoriedade na sociedade); a perenidade (se é um poder conjuntural ou duradouro); e o sucesso e desempenho (uma avaliação das respetivas conquistas).

A soma de todos os votos permitiu-nos nomear as 100 mulheres mais poderosas de 2021. Como todas as listas, sabemos que ela é discutível. Não só por ser uma escolha, mas também por essa escolha ser influenciada pelo momento em que a fazemos. Será por isso natural que nos primeiros lugares das mulheres mais influentes do país encontre algumas que se tem destacado no combate à pandemia.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais