464 enfermeiros em isolamento não fizeram teste à Covid-19

464 enfermeiros em isolamento não fizeram teste à Covid-19
Leonor Riso 19 de maio de 2020

Profissionais de saúde estão afastados de funções. Ordem dos Enfermeiros defende que a testagem seja alargada e não só feita a quem tem sintomas da Covid-19.


Há mais de 400 enfermeiros em isolamento e impedidos de trabalhar devido à Covid-19 e que não realizaram teste à infeção pelo novo coronavírus. Segundo a Ordem dos Enfermeiros, 464 profissionais encontram-se em vigilância ativa.

Os dados foram adquiridos através de um inquérito da Ordem e correspondem a "74% do total de Enfermeiros que tiveram exposição de alto risco com doentes infectados, em vigilância activa, pois há outros 164 a aguardar teste ou resultado".

"Estes números vêm, mais uma vez, corroborar aquilo que tem sido denunciado pela OE relativamente à testagem dos profissionais de Saúde: nem todos os profissionais de Saúde que tiveram contacto de alto risco de exposição com doentes Covid-19 foram testados, designadamente os profissionais sem sintomatologia", indica a Ordem, numa nota de imprensa. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais