Notícia

Portugal

Detido taxista que aumentava taxímetro com telecomando

12.09.2018 19:09 por Diogo Camilo
De acordo com a PSP, o homem de 33 anos teria um botão que "fazia aumentar o valor ostentado no mostrador", obtendo assim "benefício ilegítimo".
Foto: Sábado
Foto: Sábado
Foto: Sábado
Foto: Mário Cruz/Lusa

Um homem foi detido esta terça-feira pelo Comando Metropolitano de Lisboa da PSP por especulação. Durante o serviço de transporte de passageiros, o taxista de 33 anos terá alterado os valores mostrados pelo seu taxímetro com a ajuda de um telecomando, cobrando por uma viagem que rondaria os oito a 10 euros o dobro do preço.

O episódio aconteceu na freguesia de São Domingos de Benfica, em Lisboa, por intervenção da Divisão de Segurança Aeroportuária da Polícia de Segurança Pública. De acordo com o comunicado da PSP, as autoridades no local "detectaram que o dispositivo se encontrava alterado com um sistema de telecomando, que ao premir o botão superior do lado esquerdo, fazia aumentar o valor ostentado no mostrador, tendo assim obtido benefício ilegítimo".

Com isto, uma viagem que legalmente rondaria um valor entre os oito e os 10 euros, custou à lesada 16,55€, uma valor que a PSP considera "desproporcionado para o serviço prestado". A vítima de alegada especulação foi, entretanto, identificada e o táxi em causa foi apreendido.

Quanto ao taxista detido, foi notificado para comparecer no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, para julgamento em processo sumário.


pub
pub