O triste caso do procurador europeu
Eduardo Dâmaso Director
06 de janeiro

O triste caso do procurador europeu

O Ministério da Justiça enviou informação falsa para o processo de candidatura do procurador José Guerra ao cargo. Deliberadamente ou não, com conhecimento da ministra ou não, os factos são objetivos e evidentes

O processo da nomeação do procurador José Guerra para o gabinete da Procuradoria Europeia, que terá poderes especiais para investigar as fraudes com fundos comunitários, não será caso para fazer cair a ministra da Justiça. Mas que é uma trapalhada monumental e que tem graves impactos na imagem externa de Portugal junto dos seus parceiros europeus, isso parece ser irrecusável.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais