O Benfica é coisa deles
Eduardo Dâmaso Director
17 de setembro de 2020

O Benfica é coisa deles

Ao entrar na comissão de honra de Luís Filipe Vieira, António Costa transformou a Estratégia Nacional de Combate à Corrupção, do seu Governo e da sua ministra da Justiça, numa anedota

Na mesma semana em que a ministra da Justiça apresenta a sua pomposamente chamada Estratégia Nacional de Combate à Corrupção, o primeiro-ministro veio dizer-nos que o lixo é o único destino dessa papelada. Reduziu o projeto a uma piada de Ricardo Araújo Pereira. Ao integrar a comissão de honra da candidatura de Luís Filipe Vieira, num momento em que este dirigente é arguido em processos tão importantes como o que envolve o juiz Rui Rangel, António Costa dá um passo de gigante em direção ao abismo reputacional e simbolicamente transmite a ideia que nada do que respeite a combater o crime económico é para levar a sério.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Opinião Ver mais