Nuno Costa Santos
08 de janeiro de 2018

Manhã de Ano Novo

Faço uma visita aos jornais e estes lembram que, na economia, a Nação tem sido salva pelo turismo. E é nos turistas que subitamente penso, na manhã portuguesa deste amável ano novo.

Primeira manhã de 2018. Ouço canções do italianíssimo Paolo Conte - que voltei a escutar ontem em família. Lá fora, o dia, ameno como o cronista, dá a esperança de que os próximos meses também o sejam.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login