Ao mesmo tempo
Nuno Costa Santos
29 de maio de 2017

Ao mesmo tempo

Em conversa com um amigo, imaginei um Macron angustiado, dividido entre sistemas de pensamento

Em conversa com um amigo, imaginei um Macron angustiado, dividido entre sistemas de pensamento. Uma paródia distante da figura que parece conciliar, com assertividade, tradições diferentes e fazer delas uma síntese sua. Como nota, num excelente texto, Le Figaro Magazine, o Presidente francês tem uma certa obstinação em pensar uma coisa e o seu contrário. Ao mesmo tempo. Não em tempos diferentes, como vários. E usa no exercício um apropriado tique de linguagem. Diz muitas vezes "ao mesmo tempo".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login