Rubina Berardo Economista

Rubina Berardo, 32 anos, nasceu na Madeira e é uma meia portuguesa, meia alemã, 100% europeísta. Licenciada em Ciência Política e Economia pela University of East Anglia (Norwich, Reino Unido), com um Mestrado em Política e Governo Europeu da London School of Economics and Political Science (2003/2004) e uma Pós-Graduação da Academia Militar em Guerra de Informação/Competitive Inteligence, foi Técnica Superior na Direcção Regional de Assuntos Europeus e Cooperação Externa do Governo Regional da Madeira durante seis anos. Desde 2012, é Conselheira Adjunta de Assuntos Económicos e Imprensa na Embaixada da Alemanha em Lisboa.

14.09.2017

Bem-vindo à creche!

Prepare a mochila, caro leitor, pois estamos todos a ser infantilizados pelo governo no que toca à nossa participação em actos eleitorais

25.04.2017

Ângulos Democráticos

O rescaldo da primeira volta das eleições presidenciais em França traz uma panóplia de considerações que importa refletir no nosso país, especialmente no dia de hoje, em que celebramos a nossa liberdade e a nossa democracia

21.09.2016

Novas gorduras

O culto do corpo perfeito é facilmente traduzido para a linguagem política. De acordo com as ideologias de cada um, vemos o estado quase como um adónis funcional

16.06.2016

Arco-íris e granito

Acordámos sobressaltados a 12 de Junho pelo horror. Ainda estremunhados e incrédulos, testemunhamos a chacina discriminada infligida tragicamente e sem mácula de remorsos à comunidade LGBT

06.06.2016

Onde está um camarada, está o partido

Terminado o congresso do PS, restam os soundbites. "Não é capitulando perante o neoliberalismo que defendemos a Europa". "Rasgar o Tratado Orçamental". "O partido não se chama partido europeísta, chama-se Partido Socialista"

21.05.2016

Trabalho de homem

O que é "trabalho de homem"? No percurso democrático em Portugal, as mulheres foram paulatinamente derrubando as barreiras que impediam a sua entrada em certas profissões, outrora tipicamente masculinas

29.04.2016

Guiões alheios

Existirá imagem mais irónica que uma marcha lenta para simbolizar a paralisação face à concorrência? Melhor, só no reino animal, quando, perante a aproximação de perigo, uma tartaruga perde o equilíbrio e cai de costas

07.04.2016

Abaixo da cintura

As mais recentes promessas de acção do Ministro da Cultura no campo do (anti) diálogo com os seus críticos sublinha a abrangência do conceito de "artes"

25.03.2016

Abismos

Hoje, caro leitor, é Sexta-feira Santa. Não é dia de escrever sobre políticas orçamentais. Nem é dia de tematizar o ping-pongue partidário

19.03.2016

Grampear a democracia

"Grampear", sabe o que significa? A recente turbulência política em torno da constelação tripartida Dilma-Lula-Moro tem trazido novas expressões a Portugal, tal como este "grampear"

26.02.2016

O torpedo do Bloco

O cartaz que o Bloco de Esquerda lançou sobre a aprovação da lei dedicada à adopção por casais do mesmo sexo é mais do mesmo registo de "choque e pavor" ao melhor estilo militarista

A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)