É a energia estúpida
João Camargo Investigador de alterações climáticas
09 de maio de 2017

É a energia estúpida

Em vez de usarem mensageiros, as petrolíferas devem responder pelos seus interesses económicos

Na semana passada, o professor catedrático do Instituto Superior Técnico Amílcar Soares assinou um artigo no Expresso, intitulado "Petróleo e gás no ‘offshore’ nacional: é a energia, estúpido!", onde qualificou uma carta assinada por mais de 60 cientistas de várias áreas do conhecimento e regiões do país contra a prospecção de petróleo e gás em Portugal de abaixo-assinado "de valor científico baixo ou nulo", de teor "populista e demagógico absolutamente risível", "exibição pública de ignorância e demagogia", afirmando que "não há uma só evidência científica dos impactes ambientais, no turismo, riscos tecnológicos, etc., resultantes da actividade de prospecção no offshore".

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login