Notícia

Europa

Suspeitos usaram pequeno frasco de perfume para envenenar os Skripal

05.09.2018 11:45 por Leonor Riso
Autoridades britânicas identificaram dois suspeitos russos do envenenamento de Sergei e Yulia Skripal.
Foto: Sábado
Sergei Skripal
Foto: Sábado
Filha de Sergei Skripal, yulia
Foto: Sábado
Sergei Skripal e a filha, Yulia, lutam pela vida num hospital britânico
Foto: Sábado
Foto: Getty Images

Perfume Skripal

Premier Jour, de Nina Ricci. Foi um frasco deste perfume que conteve o agente químico Novichok usado para envenenar o ex-espião russo Sergei Skripal e a sua filha Yulia, acreditam as autoridades britânicas. O contentor foi adaptado para ser "a cobertura perfeita para contrabandear a arma para dentro do país e para ser um método de uso perfeito para o ataque junto à porta de casa dos Skripal", referiu a Polícia Metropolitana. 

Esta quarta-feira, foram identificados dois suspeitos do ataque aos Skripal, ocorrido em Março no Reino Unido. 

Alexander Petrov e Ruslan Boshirov foram os suspeitos nomeados pelas autoridades. Foi emitido um mandado de detenção europeu, mas o Reino Unido não pedirá a extradição dos suspeitos à Rússia, visto que o país não extradita os seus cidadãos. Até agora, a Rússia negou qualquer envolvimento no caso Skripal. 

pub


pub
pub