Requerentes de asilo LGBT têm dificuldades acrescidas a entrar na Europa

Requerentes de asilo LGBT têm dificuldades acrescidas a entrar na Europa
Diogo Barreto 09 de julho de 2020

Muitos dos países a quem são apresentados os pedidos de pedido não consideraram que estes requerentes estavam em riscco de perseguição.

Milhares de requerentes de asilo no âmbito de fuga à descriminação baseada na orientação sexual têm visto os seus pedidos ser constantemente rejeitados pela União Europeia e pelo Reino Unido. A "cultura de desacreditação" e a "impossibilidade de prova" têm sido os principais motivadores destas negas, referem investigadores da universidade de Sussex. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais