ONU assinala "quebra significativa da violência" na Síria

Lusa 13 de setembro de 2016
Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 21 a 27 de janeiro
As mais lidas

Organização ainda não distribuiu ajuda humanitária aos civis sírios após o frágil cessar-fogo, devido a preocupações de segurança

O enviado especial da ONU para a Síria saudou hoje em Genebra "uma quebra significativa da violência" no país 24 horas após o início da anunciada trégua, mas disse que a organização ainda não distribuiu ajuda humanitária.

EPA/MOHAMMED BADRA
"A situação melhorou radicalmente", declarou aos jornalistas Staffan de Mistura, apesar de se referir a casos isolados de violência, incluindo por parte das forças rebeldes.

O responsável da ONU referiu no entanto que as Nações Unidas ainda não distribuíram ajuda humanitária aos civis sírios no primeiro dia de um frágil cessar-fogo, devido a preocupações de segurança.

"Não possuímos qualquer informação sobre camiões da ONU actualmente em movimento", disse De Mistura, exigindo "garantias que os condutores e os 'comboios' não sejam atingidos".

Previamente, os media estatais turcos tinham referido que uma coluna de 20 camiões com ajuda humanitária atravessou hoje a fronteira do país em direcção à cidade síria de Alepo, na sequência do cessar-fogo em vigor desde a tarde de segunda-feira.

Os veículos atravessaram o posto fronteiriço de Cilvegozu, na província de Hatay (sudeste), referiu a agência noticiosa oficial Anadolu, citando fontes de segurança.

A agência acrescentou que pelo menos 40 camiões deveriam atravessar a fronteira até ao final do dia de hoje.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana.
Boas leituras!
Artigos Relacionados
Opinião Ver mais