Mulheres "não merecem conduzir porque têm um quarto do cérebro"

Mulheres 'não merecem conduzir porque têm um quarto do cérebro'
Alexandre R. Malhado 23 de setembro de 2017

Durante uma conferência sobre "os perigos de uma mulher ao volante", um xeque saudita disse que as mulheres não merecem conduzir porque só possuem "metade do cérebro"

O xeque Saad Al-Hijri, clérigo saudita responsável pelas fatwas (opiniões legais no direito islâmico) em Assir, tem estado a ser alvo de críticas após afirmar, durante uma conferência sobre "os perigos de uma mulher ao volante", que as mulheres só possuem "metade do cérebro". Al-Hijri usou isso como argumento para as mulheres não merecerem conduzir.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais