Motorista de autocarro morre após impedir grupo de entrar sem máscara

Correio da Manhã 11 de julho de 2020

Philippe Monguillot, de 59 anos, foi violentamente agredido em Bayonne, França. Um suspeito de 30 anos foi preso e outras quatro pessoas foram detidas.

Morreu o motorista de um autocarro da rede Chronoplus em Bayonne, França, que foi violentamente agredido por várias pessoas este domingo e deixado em morte cerebral. 

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais