Migrações: Novo grupo de 83 migrantes intercetado e detido pela guarda costeira líbia

12 de julho de 2020

Maioria dos 83 migrantes era proveniente do Sudão e da Eritreia. No total, cerca de 6.000 migrantes já foram intercetados e levados de volta para a Líbia

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) divulgou hoje que a guarda costeira da Líbia intercetou, na noite passada, ao largo das costas do país, um grupo de 83 migrantes que foi posteriormente transportado para um centro de detenção.

A porta-voz da OIM, Safa Msehli, precisou que estes migrantes, que tentavam fazer a travessia do Mediterrâneo em direção à Europa, foram intercetados junto à cidade de Garabouli e foram transportados posteriormente para o centro de detenção de Souq al-Khamis, em Khoms, cidade localizada a 120 quilómetros a leste de Tripoli (capital líbia).

De acordo com a representante da agência da Organização das Nações Unidas (ONU), a maioria dos 83 migrantes era proveniente do Sudão e da Eritreia.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais