Covid-19: "Não temos muito tempo", avisa virologista que fugiu da China

Covid-19: 'Não temos muito tempo', avisa virologista que fugiu da China
Leonor Riso 15 de julho de 2020

Li-Meng Yan deixou o marido e a família na China para dizer a "verdade" sobre o novo coronavírus. Os pais foram interrogados e o seu apartamento, destruído, alega.

Li-Meng Yan, a virologista chinesa que acusou Pequim de mentir sobre a existência e o perigo do novo coronavírus, deu uma segunda entrevista à Fox News. No programa Bill Hemmer Reports, Yan alerta que "não temos muito tempo".

Yan assegurou numa primeira entrevista à Fox News que a China e também a Organização Mundial de Saúde (OMS) tinham conhecimento da existência e do perigo do novo coronavírus muito antes de anunciarem oficialmente o surto que ocorreu em Wuhan, China. 

Li-Meng Yan é especialista em virologia e imunologia. Era uma das virologistas encarregadas de estudar o coronavírus, até que as suas descobertas a levaram a fugir da China para os Estados Unidos em abril deste ano.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
Investigação
Opinião Ver mais