Covid-19: México ultrapassa a barreira de 15.000 mortos

Lusa 11 de junho de 2020
As mais lidas

O território mexicano regista um total de 129.184 infeções confirmadas, o que representa um aumento de 4.883 nas últimas 24 horas.

Coronavirus virus china
coronavirus africa nigeria
coronavirus portugal
Coronavirus virus china
coronavirus africa nigeria
coronavirus portugal

As autoridades de saúde mexicanas registaram no sábado 708 novas mortes por covid-19, atingindo 15.357 óbitos desde o início da pandemia.

Segundo dados oficiais, o território mexicano regista um total de 129.184 infeções confirmadas, o que representa um aumento de 4.883 nas últimas 24 horas.

O México ocupa o quarto lugar na América em casos de coronavírus, depois dos Estados Unidos, Brasil e Chile, e o terceiro no número de mortes, depois dos Estados Unidos e Brasil, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) .

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 412 mil mortos e infetou quase 7,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.497 pessoas das 35.600 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano passou a ser o que tem mais casos confirmados, embora com menos mortes.

Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Investigação
Opinião Ver mais