Coronavírus: Empresa cria ventilador a partir de máscara de mergulho da Decathlon

Coronavírus: Empresa cria ventilador a partir de máscara de mergulho da Decathlon
Diogo Camilo 25 de março de 2020

O protótipo da Isinnova, criado a partir de máscaras de snorkeling, já foi testado na região de Lombardia, a mais afetada pelo novo coronavírus em Itália.

E se uma simples máscara de mergulho da Decathlon fosse utilizada para salvar vidas? É isso que está a fazer a Isinnova, que transforma as máscaras de snorkeling - ou mergulho livre - em ventiladores para doentes em Itália, o país com mais mortes provocadas pelo novo coronavírus. O protótipo já foi testado num hospital italiano e resultou, mas ainda tem de ser aprovado pelas autoridades de saúde.


Tudo começou há cerca de duas semanas, quando a Isinnova, uma pequena startup italiana de engenharia, recebeu um pedido da ajuda de um hospital em Chiari, na região de Lombardia, a mais afetada pelo novo coronavírus em Itália. Os profissionais de saúde precisavam urgentemente de válvulas de ventiladores para salvar os pacientes que precisavam de oxigénio e o fabricante não conseguia fornecê-los com a rapidez suficiente.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais