Austrália vai fechar campo de refugiados na Papua Nova Guiné

Lusa 17 de agosto de 2016
As mais lidas

A Austrália concordou em fechar o campo de refugiados em Manus Island, na Papua Nova Guiné, local onde se encontram centenas de refugiados que pediram asilo

A política australiana em matéria de imigração - que inclui o internamento em centros de refugiados em países vizinhos - tem sido muito criticada dentro e fora do país.

Anadolu Agency/Getty Images
Em Abril, esta politica sofreu um revés, quando o Supremo Tribunal da Papua Nova Guiné declarou "ilegal e anticonstitucional" a colocação por parte da Austrália dos refugiados que pediam asilo naquele campo no território da Papua.

"Tanto a Papua Nova Guiné como a Austrália concordaram que o campo é para ser fechado", avançou o primeiro-ministro da Papua Nova Guiné, Peter O'Neill.
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais