José Luís Santos Lima Oliveira da Silva deixou a banca, em 1990, para fazer vinhos. Hoje é o maior produtor de Lisboa, a Casa Santos Lima.

Vasco Vilhena não quer mudar o mundo, só a si mesmo
MúsicaPedro Henrique Miranda

Vasco Vilhena não quer mudar o mundo, só a si mesmo

No seu segundo disco, o pianista lisboeta volta-se para si mesmo para encarar os dilemas da modernidade, e defende que não há progresso sem introspeção. A Poda das Nuvens já está nas plataformas digitais, e é editado em formato físico a 1 de maio.

Ela arranjava sexo ao gosto do cliente
CinemaRita Bertrand

Ela arranjava sexo ao gosto do cliente

Os bordéis de meninas novas, geridos por uma empreendedora de meia idade, fazem parte do imaginário popular, mas baseiam-se em casos bem reais - como o de Madame Claude, agora em filme na Netflix.

Fale com a Sábado
Fale com a Sábado
Para a SÁBADO, os leitores sempre foram o mais importante. É para eles que trabalhamos.

Por isso, caro leitor, cara leitora, fale connosco pelos canais que disponibilizamos, através do mail, telefone ou WhatsApp.

Denuncie, corrija, acrescente, seja uma parte do nosso jornalismo de investigação. Diga-nos o que pensa e nós nunca lhe faltaremos. Respondemos-lhe sempre.

Faça a sua parte que nós tratamos do resto.
Envie-nos o seu comentário
As mais lidas GPS
Júlio César: “Namorei bastante, mas nem um terço do que se diz”
Entrevista
04 de abrilSónia Bento

Júlio César: “Namorei bastante, mas nem um terço do que se diz”

Nasceu em Chança, Alter do Chão e foi lá que começou a representar, aos 8 anos. Estreou-se como ator profissional ao lado de Raul Solnado e foi sempre um boémio - chegou a alugar um elétrico e desviou um autocarro. Depois de uma pausa, está ansioso por trabalhar.

Vídeos Ver mais
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)