Morreu James Rosenquist, um dos pioneiros da Pop Art

Contemporâneo de Andy Warhol, Roy Lichtenstein e Claes Oldenburg, Rosenquist morreu na sexta-feira em Nova Iorque aos 83 anos

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 6 a 12 de maio
As mais lidas GPS
Ágata Xavier , Lusa 02 de abril de 2017

James Rosenquist, um dos pioneiros do movimento Pop Art, morreu na sexta-feira em Nova Iorque aos 83 anos. Nascido a 29 de Novembro de 1933 no Dakota do Norte, este filho de dois pilotos amadores viveu em Minnesota até se mudar na década de 1950 para Nova Iorque com o objectivo de estudar na Art Students League. Foi lá que começou a pintar painéis publicitários em espaços públicos, trazendo a estética comercial para as artes plásticas, característica que o tornou numa das maiores influências da Pop Art.

Alcançou o reconhecimento com as obras President Elect, criada no começo da década de 60 - e na qual representa John F. Kennedy- , e F-111, um painel em grande escala com um bombardeiro da guerra do Vietname (obra que Douglas Coupland menciona no seu livro Polaroids from the Dead).

Embora a critica o tenha incluído no movimento da Pop Art, Rosenquist foi o primeiro a afirmar que só conheceu Andy Warhol tardiamente, em 1964, alegando que não era seu amigo chegado (tal como não era de Roy Lichenstein). Rejeitando comparações com Warhol, disse, numa entrevista em 2007 à revista Smithsonian, que não se interessava em desenhar objectos identificáveis da sociedade de massas, mas aquilo que é familiar e não nostálgico para os espectadores consumidores.

O artista plástico norte-americano deixa trabalhos em pintura, desenho, colagem, serigrafia e vídeo que estão representados em várias colecções e museus internacionais, como o Guggenheim Museum Bilbao, Museum of Modern Art, Whitney Museum of American Art e a Colecção Berardo. Será dele uma das maiores serigrafias do mundo, Time Dust (1992), com 2 por 10 metros. Em 2009, um incêndio destruiu várias obras de Rosenquist no estúdio em Aripeka, na Florida. No mesmo ano editou a autobiografia Painting Below Zero: Notes on a Life in Art.

Artigos Relacionados
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)