O Rei dos Leitões tem nova carta

No Rei dos Leitões há salas privadas, horta própria, vinagreira e (para os pequenos porcos) forno a lenha e minimatadouro

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 4 a 10 de março
As mais lidas GPS
Rita Bertrand 18 de abril de 2017
Sérgio Lemos

A oferta gastronómica na Mealhada sempre foi pouco além do leitão típico da região, nas ementas apenas acompanhado de pratos básicos - bacalhau assado, bife e pouco mais - e uma dúzia de referências vinhateiras, com predominância dos espumantes da Bairrada. Porém, no Rei dos Leitões, Paulo e Licínia Rodrigues - ela, herdeira directa dos fundadores, seus padrinhos, ele, seu marido - é tudo diferente. Para começar, tem salas privadas, horta própria, vinagreira e (para os pequenos porcos) forno a lenha e minimatadouro, adega (com decorativo lagar de pedra), onde estão guardadas, separadas por regiões, as garrafas correspondentes às mais de duas mil referências da sua multipremiada carta de vinhos, talvez a melhor do País.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
A Newsletter Semanal Gps no seu e-mail
A GPS indica-lhe as melhores sugestões de fim de semana. Receba todas as semanas no seu email. (Enviada semanalmente)