Joana Espadinha: “Não consigo livrar-me da melancolia”

Depois do sucesso estrondoso com os Cassete Pirata e o seu segundo álbum, O Material Tem Sempre Razão, Joana Espadinha regressa com um disco que enfatiza a alegria e tenta fazer regressar a luz.

Sábado
Leia a revista
Em versão ePaper
Ler agora
Edição de 14 a 20 de outubro
As mais lidas GPS

Joana Espadinha teve um último par de anos atribulado: lançou-se à composição do seu terceiro disco, foi mãe e, pelo meio, viu-se forçada a lidar com toda a carga emocional do contexto pandémico. Canalizou essa energia criativa para Ninguém nos Vai Tirar o Sol, um álbum repleto de canções soalheiras e ritmos dançáveis que sentiu que faziam falta ao mundo em que hoje vivemos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Para activar o código da revista, clique aqui
A Newsletter SÁBADO É TODOS OS DIAS no seu e-mail
NEWSLETTER EXCLUSIVA PARA ASSINANTES O resumo das notícias pela redação da SÁBADO, sempre ao início da manhã. (Enviada de segunda a sexta)