O primeiro golo de sempre

O primeiro golo de sempre
João Carlos Silva 13 de julho de 2018

Em 13 de Julho de 1930, o francês Lucien Laurent ganhou um lugar na história ao estrear o marcador em Mundiais. Foi por quatro minutos

Em 1930, no primeiro Campeonato do Mundo, não houve um jogo inaugural, houve dois: a 13 de Julho, à mesma hora, principiaram o França-México, no estádio Pocitos, e o Estados Unidos-Bélgica, no estádio Gran Parque Central, em Montevideu, Uruguai. Foram jogos com muitos golos e vitórias francesa e norte-americana por 4-1 e 3-0.

Foi aos 19 minutos do França-México que Lucien Laurent empurrou para a baliza uma bola cruzada pelo extremo-direito Ernest Liberati, tornando-se o primeiro marcador de sempre num Mundial.  Na altura, isso não mereceu qualquer menção especial e o próprio torneio não ocupava mais do que algumas linhas nos jornais europeus. Afinal, ninguém sabia muito bem se o campeonato era uma prova para continuar ou se aquela seria a sua única edição.

No outro estádio, o norte-americano Bart McGhee marcou quatro minutos depois, aos 23.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais