Falta sobre Witsel vale salário congelado a internacional chinês

Lusa 14 de março de 2017
As mais lidas

O jogador foi suspenso por três jogos, mas o Shangai Shenhua ainda quis castigar o jogador com uma multa de cerca de 40.700 euros

O Shangai Shenhua anunciou esta terça-feira que vai congelar o salário do internacional Qin Sheng pelo "comportamento abominável" sobre o belga Alex Witsel, do Tianjin Quanjian FC.

STR/AFP/Getty Images
Durante o jogo de sábado da liga chinesa entre os dois clubes, da segunda jornada do campeonato, que terminou empatado 1-1, Qin Sheng foi admoestado com o cartão vermelho directo depois de uma falta sobre o antigo jogador do Benfica.

O jogador foi suspenso por três jogos, mas o Shangai Shenhua quis castigar o jogador com uma multa de 300 mil yuans (cerca de 40.700 euros). Em comunicado, o Shangai Shenhua condenou o "comportamento abominável" do médio, que teve "um enorme impacto negativo sobre o clube e todo o futebol chinês".

O presidente do clube, Wu Xiaohui, garantiu que caso o jogador "não corrija o seu comportamento", vai permanecer "durante os próximos quatro anos na equipa de reservas".
Descubra as
Edições do Dia
Publicamos para si, em três periodos distintos do dia, o melhor da atualidade nacional e internacional. Os artigos das Edições do Dia estão ordenados cronologicamente aqui , para que não perca nada do melhor que a SÁBADO prepara para si. Pode também navegar nas edições anteriores, do dia ou da semana
Artigos Relacionados
Investigação
Opinião Ver mais