Variante britânica não causa formas de doença mais graves
13 de abrilDiogo Camilo

Variante britânica não causa formas de doença mais graves

Dois estudos concluem que a variante britânica da covid-19, que representou 83% dos infetados de Portugal em Março, não causa formas mais graves da doença entre pacientes hospitalizados ou doentes com sintomas. Mas o seu R(t) é 1,35 vezes superior, assim como a sua carga viral.

Mostrar mais notícias
A Newsletter Geral no seu e-mail
Tudo o que precisa de saber todos os dias. Um resumo de notícias, no seu email. (Enviada diariamente)