NASA deteta elevados níveis de metano e suspeita de vida alienígena recente em Marte

Correio da Manhã 24 de junho de 2019

O veículo de exploração espacial Curiosity encontrou aquilo que pode ser um sinal de que existem micróbios em Marte há pelo menos cem anos.

O veículo de exploração espacial da NASA - apelidado de Curiosity - detetou elevados níveis de gás metano na superfície de Marte, indicando a possível presença de vida alienígena no Planeta Vermelho.

O Curiosity detetou 21 partes por bilião de unidades por volume de metano, sendo esta a maior quantidade alguma vez medida durante a missão, segundo revela a NASA. Ou seja, em cada volume de ar em Marte existe um bilionésimo de volume de metano.

Os cientistas estão entusiasmados com a descoberta porque a vida microbiana - relativa aos micróbios - é uma importante fonte de metano na Terra, por isso pode ser um sinal de que existem micróbios em Marte há pelo menos cem anos.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Opinião Ver mais