Foi detetada a maior colisão estelar do universo

Foi detetada a maior colisão estelar do universo
Diogo Camilo 08 de janeiro de 2020

Investigadores detetaram a 25 de abril de 2019 uma pequena distorção do espaço-tempo, originada por uma onda gravitacional produzida por um dos fenómenos mais violentos do universo: a fusão entre duas estrelas de neutrões.

A 25 de abril de 2019, um dos instrumentos científicos mais precisos do mundo detetou uma pequena distorção do espaço-tempo. Agora, cientistas do Observatório de Ondas Gravitacionais por Interferómetro Laser (LIGO) anunciaram que o sinal captado foi originado por uma onda gravitacional produzida por um dos fenómenos mais violentos do universo: a fusão entre duas estrelas de neutrões.

Para continuar a ler
Já tem conta? Faça login
Investigação
Opinião Ver mais