Especiais Especiais C-Studio
Mais informações

C•Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do universo Cofina.
Aqui as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

O fenómeno da criptoeconomia em Portugal: sabe como está a investir o seu dinheiro

Pós-graduação em Web 3.0, Blockchain e Criptoeconomia, ministrada no ISAG – European Business School, ajuda a compreender o funcionamento destes ativos digitais.

22 Setembro 2022 16:20

Portugal está entre os países da Europa que mais negoceiam e investem em criptomoedas, apesar dos baixos níveis de literacia financeira, de acordo com um estudo da XTB, que abordou mais de 300 mil pessoas em toda a Europa. Por outras palavras, quer isto dizer que somos o país que mais arrisca em novos produtos financeiros, mas também o que menos os domina. Este paradoxo pode rapidamente tornar-se num problema para os portugueses, uma vez que a falta de (in)formação nas áreas da economia e finanças, associada ao sentido de urgência de ganhos rápidos e fáceis, pode abrir caminho a cibercrimes ou mesmo maus investimentos de poupanças de uma vida.

Sendo a literacia financeira um dos pilares do crescimento económico, formar a população para gerir as suas finanças pessoais é um dos grandes desafios para Portugal. O cenário torna-se particularmente preocupante quando refletimos sobre o nível de preparação de gestores e altos quadros do nosso tecido empresarial – que, além das fragilidades evidenciadas para os temas da transformação digital e novas economias, são os menos preparados ao nível da formação superior. 

Convém também relembrar que a criptoeconomia não é uma tendência ou moda, mas antes uma nova forma de fazer e gerir negócios que vai dominar, em apenas alguns anos, o dia-a-dia de todos os quadrantes da sociedade global – e não apenas das novas gerações, claramente as mais capacitadas para esta transformação ou adaptação.

Conscientes da importância da formação nesta área, e para combater o gap que se faz sentir no País, o ISAG – European Business School, em parceria com Fred Antunes, presidente da Associação Portuguesa de Blockchain e Criptomoedas, lançou, este ano, a primeira pós-graduação portuguesa em Web 3.0, Blockchain e Criptoeconomia, que já vai na 2ª edição. Esta formação, adequada para todas as idades e níveis de formação, pretende explorar aquele que é o maior fenómeno económico-financeiro da última década e compreender o funcionamento destes ativos digitais, desde a sua origem, de modo a tomar decisões financeiras de forma segura e informada.



Joana Seixas, sudiretora, Conselho de Direção/Board of Direction

Outros Conteúdos