1
Edson Athayde: Procura-se um Amigo
  • Partilhe
Abril 10, 2012
“Não precisa ser homem, basta ser humano, basta ter sentimentos, basta ter coração. Precisa saber falar e calar, sobretudo saber ouvir. Tem que gostar de poesia, de madrugada, de pássaro, de sol, da lua, do canto, dos ventos e das canções da brisa. (…) Não é preciso que seja de primeira mão (…).” *

Um dia, você está num quarto de hotel qualquer, de uma cidade qualquer, de um país qualquer que não o seu, e há uma janela que não dá direito a uma paisagem bonita. Nessa cidade, onde você não conhece ninguém, nem tem vontade de conhecer, não há monumentos com história que compense a visita, nem restaurantes incensados pelo Guia Michelin, nem uma praia onde as pessoas aplaudem o pôr-do-sol. Nesse dia, nessa noite, nessa hora você lembra-se dos seus.

“Os seus”, interessa-me perceber melhor essa expressão. Creio que “os seus” pode incluir a família directa mas isso é redutor. Há quem não tenha, há quem tenha mas não se dá com ela, há quem só goste dela quando longe. Não vamos, pois, utilizar a família como régua para medir o perímetro exacto da pertença.

Há os amores e os amigos. Se permitem-me, corto também os primeiros da equação. Apesar das suas quatro letras, amor é palavra muito grande, mexe com muita coisa, nem sempre traz felicidade, para ser feliz é preciso amar e ser amado (o “ou” aqui não funciona).

Sobram os amigos. Não, a frase soa-me inexacta. Os amigos nunca deveriam sobrar, nunca deveriam ficar para o final, depois de todas as pessoas importantes. Amigos de segunda, amigos que não são prioritários, são amigos que não são.

“Procura-se um amigo para gostar dos mesmos gostos, que se comova, quando chamado de amigo. Que saiba conversar de coisas simples, de orvalhos, de grandes chuvas e das recordações de infância. Precisa-se de um amigo para não se enlouquecer. (…)” *

Um dia desses, num quarto de hotel cheio de móveis e vazio de emoções, tive tempo para fazer umas contas e dar nomes e caras e corpos e vozes e jeitos e defeitos e manias e qualidades e risos e choros a cada um dos amigos a quem posso chamar de “meus”.

Lembrei do tema ao ler que vai fazer agora um ano que a ONU ratificou o Dia da Amizade. E que ele poderá ser celebrado, em pleno, no 30 de Julho próximo. Nem acho importante as datas e efemérides. Só peço que não fique a espera de uma noite triste para lembrar (ligar, mandar um mail, um SMS, um postal, uma mensagem, este texto, sei lá eu) a quem deseja que os seus dias sejam felizes.

“Precisa-se de um amigo para se parar de chorar. (…) Para ter-se a consciência de que ainda se vive”.*

Ou como diria o meu Tio Olavo, citando um filósofo: “O que é um amigo? Uma única alma que habita dois corpos”.


* Trechos do texto “Procura-se um Amigo”, de Vinicius de Moraes.


Remix da Semana

OK Vá: É sempre assim. Quando a banda de rock “OK Go” lança uma nova canção, o vídeo que a acompanha será, no mínimo, genial.


Uma Festa de Cor: Quando milhares de pessoas bem dispostas juntam-se para lançar fumo colorido no ar, o resultado pode ser a World’s Biggest Color Party de sempre.

Grande Mariza: A nossa Mariza vai ao Jô Soares e mostra que é uma grande cantora seja qual for o sotaque.

Facebook: Faça parte da rede amigos do Edson Athayde no Facebook. Basta clicar e fazer o pedido.
Partilha o artigo
Enviar o artigo: Edson Athayde: Procura-se um Amigo
Comentários

Comentários
Nome *
Email *
Localidade *
Anónimo
O seu comentário *
Está a submeter o seu comentário a esta notícia através do IP . Como não tem o login efectuado, o seu comentário está limitado a 300 caracteres e será alvo de moderação, pelo que não será publicado de imediato. Se comentar depois de efectuar login, beneficia de um conjunto de funcionalidades exclusivas para leitores registados.
Inicie sessão ou registe-se gratuitamente.

nas redes
Segue Sábado.pt
Revista SÁBADO
Assine a revista SÁBADO
SÁBADO versão Epaper
A minha conta SÁBADO
Edição nº 592
3 a 10 de Setembro
Copyright ©
Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução, na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media, uma empresa Grupo Cofina Media SGPS, S.A..
nas redes
amigos
72430 amigos
Dispositivos
Obrigado por ler a SÁBADO
;)
     
     
Para poder adicionar esta notícia aos seus favoritos deverá efectuar login
Caso não esteja registado no site do Record, efectue o seu registo gratuito.