Você está em:Multimédia / Fotografias

Vídeos

Mundo

Serão estas as piores propagandas de guerra de sempre?

02-03-2013

Respeito à mãe que ela pode tornar-se numa espia, ou cuidado com o que diz à sua namorada porque Hitler pode estar a ouvir são alguns dos exemplos

Por Vanessa Fernandes

Todas as nações que participaram na Primeira ou Segunda Guerra Mundial tinham a difícil tarefa de encontrar as melhores estratégias para derrotar os seus inimigos. Mas essa não era a sua única preocupação: elas tinham também de convencer as suas populações que a guerra era a única solução.

E qual a melhor maneira de convencer as pessoas a querem lutar, trabalhar de graça, passar fome e ainda a oferecer dinheiro para sustentar as campanhas militares? Exactamente, a propaganda. Infelizmente, porém, nem todas as propagandas de guerra foi bem pensadas. Na verdade, algumas foram simplesmente ridículas.

“Fiquem com a Mãe, ela não é assim tão burra”

A lenda da alegada espia Mata Hari permanece ainda hoje viva na cultura britânica. Margaretha Gertruida Zelle era uma dançarina exótica dos Países Baixos, que foi acusada de espionagem e condenada à morte por fuzilamento. Durante a Primeira Guerra Mundial, Mata Hari dormiu com inúmeros oficiais, tanto franceses como alemães, e tornou-se numa espécie de peão da intriga internacional. Apesar de os historiadores nunca terem conseguido provar se foi ou não realmente uma espia, Mata Hari tornou-se num símbolo da ousadia feminina.

Foi a sua icónica personagem que inspirou o slogan deste cartaz. “Fiquem com a Mãe, ela não é assim tão burra” , lê-se. A mensagem é simples: o melhor é tratar bem dela, senão ela ainda se pode tornar numa espia.

Carregue na foto seguinte para continuar a ler.

Deixar Comentário

Por favor faça Login/Registo para comentar este artigo.

comentários

quinta-feira, 7 de Março de 2013 - 23:33

Erro de traducao

Na verdade, "mum" neste caso traduz-se como "mudo" não como "mãe". Assim, a ideia a transmitir seria "fique calado que ela não é [assim] tão burra".

Galerias de fotografias





Copyright ©. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Edirevistas, S.A. , uma empresa Cofina Media, SGPS. Consulte as condições legais de utilização.