Você está em:  Automóveis / Toyota Auris Híbrido

A vantagem de parecer normal

“São os carros de que mais se fala, pelo menos eu e as minhas amigas”, dizia Rita Andrade enquanto apresentava o Troféu Blue Auto, no dia 30 de Março, no Hotel The Oitavos, em Cascais. Mas não se estava a referir aos automóveis ecológicos, a preferência dela e das amigas vai mesmo é para os SUV (sport utility vehicles), um dos segmentos menos amigos do ambiente.
Pelo contrário, o espírito do prémio, uma iniciativa da revista Automotor, é escolher os modelos menos poluentes do mercado e foi por isso que este ano venceu o Toyota Auris Híbrido.
No ano passado a Toyota e a Honda já tinham concorrido com modelos que juntam motores a gasolina e eléctricos, mas o vencedor foi o Volkswagen Polo a gasóleo. Será isso estranho? Os 10 elementos do júri (a SÁBADO também participou) acharam que o novo Auris tem uma mais-valia em relação aos modelos Prius e Insight. Tem o aspecto de um carro normal, com as vantagens de ter o motor auxiliar eléctrico: silêncio, poupança e ecologia.
O Auris Híbrido consegue andar cerca de dois quilómetros a uma velocidade até 50 km/h, no modo eléctrico, sem gastar combustível e sem emitir CO2 ou NOx. E por falar nisso, para o ano é provável que o troféu inclua um segmento dedicado aos carros eléctricos, que começam finalmente a chegar ao mercado.
 
MOTOR: 1.8 litros VVT-i e motor eléctrico
VELOCIDADE MÁXIMA: 180 km/h
POTÊNCIA MÁX. (cv/rpm)     136   
CONSUMOS: estrada 4,4
                          auto-estrada      4,8    
                         cidade     5 litros aos 100 km
BAGAGEIRA     279 a 1.259 litros
EMISSÕES DE CO2    89 g/km (menos 20% do que o concorrente mais ecológico do mesmo segmento)
PREÇO a partir de € 25.412,79
 
 

Pesquisa Automóveis





Copyright ©. Todos os direitos reservados. É expressamente proíbida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Edirevistas, S.A. , uma empresa Cofina Media, SGPS. Consulte as condições legais de utilização.